o seu sítio de poesia

BUSCA SONETO

RIMADOR

SONETOS FAMOSOS
SONETOS MEUS
SONETOS SEUS
COMUNIDADE
HISTÓRIA
RIMADOR
PARA OUVIR
SONETO-ARTE
COMO ESCREVER
LIVRO DE VISITAS
SONETOS NO MUNDO
SOBRE ESTE SÍTIO

Acesse também o Twitter do sítio!
Estamos agora no Facebook! Procure pelas comunidades Sonetos e SONETOS.com.br!
RIMADOR

O rimador (do Aurélio: "Que ou aquele que verseja, rima, faz rimas...") é um recurso desenvolvido para procurar no dicionário palavras que rimam entre si. A sonoridade é um dos principais elementos dos sonetos e, embora o modernismo tenha criado alguns sonetos sem rima, o uso dela torna a poesia em canção. Para ajudar a compor a sonoridade do seu soneto e ampliar seu conhecimento das palavras, o rimador é uma boa ferramenta.

Por exemplo, procurando rimar a palavra raça, encontramos desgraça, graça, jaça e muitas outras. Quais são, entre essas, as que mais se adequam ao tema escolhido para o seu soneto? Cabe ver o significado de cada uma, e usá-las ao final dos versos, ou procurar outra rima. Veja como Manuel Bandeira as usou no Soneto a Camões feito em homenagem ao grande poeta lusitano. Digite no campo abaixo a palavra que você usará em sua poesia:
BUSCAR RIMAS PARA
Observe nos sonetos espalhados pelo site de que forma as rimas foram usadas pelos poetas, tente perceber a sonoridade que elas emprestam a cada quarteto ou terceto; aprenda, divirta-se e crie o seu próprio soneto!

NOTAS: A maioria das conjugações verbais não aparecerá nos resultados. Se você encontrou algum problema no uso dessa ferramenta, mande um e-mail para webmaster2@sonetos.com.br relatando o que aconteceu. O rimador é uma ferramenta exclusiva desenvolvida por SONETOS.COM.BR. Algumas palavras não encontradas no dicionário ou pertencem a expressões técnicas e regionais ou não estão em português.

ENVIAR SEU SONETO

INDICAR O SÍTIO

VERSOS E RIMAS

Verso metrificado - Obedece a um esquema métrico e compassado (veja como escrever um soneto). Sua origem remonta às primeiras poesias. Um ritmo ou "batida" constante em cada verso de um poema caracteriza o uso do verso metrificado. O contrário é o verso livre, que não possui um esquema métrico regular, estando mais associado ao modernismo.

¨¨¨

Versos brancos - Versos sem rima entre si.

¨¨¨

Rima rica - São chamadas ricas as rimas que se fazem com palavras de classe gramatical diferente ou de terminação pouco freqüente. "Vê-la" produz com "estrela" uma rima rica.

¨¨¨

Rima pobre - O uso acentuado de palavras da mesma classe gramatical ou com a mesma terminação numa composição torna a rima pobre.
© 2002-2010 Bernardo Trancoso. Todos os direitos reservados.